Inventário de emissões: o primeiro passo rumo à sustentabilidade empresarial

Inventário de emissões: o primeiro passo rumo à sustentabilidade empresarial

O inventário de emissões tem uma grande importância na busca pela sustentabilidade empresarial. Entenda como!

As mudanças climáticas vêm impactando todo o mundo. O aumento da temperatura média da Terra é ocasionado, em grande parte, pela emissão de gases de efeito estufa (GEE), especialmente por conta das atividades antrópicas.  

Não são registrados apenas dias mais quentes e/ou elevação do nível dos oceanos, mas também consequências mais próximas da nossa realidade, como a crise hídrica de 2014 em São Paulo ou as grandes inundações em vários estados brasileiros, como Pernambuco, Amazonas, Bahia, entre outros. Tais sequelas acabam afetando, inclusive, a produção de alimentos.

Dessa forma, as mudanças citadas não interferem somente na vida de cada um de nós individualmente, mas também nas atividades econômica e produtiva das empresas. 

A crise hídrica impõe restrições de consumo de água e geração hidrelétrica de energia, o que afeta a produção industrial, pois a prioridade é sempre o abastecimento humano.

O mercado de carbono

O mercado de crédito de carbono nasceu não somente da necessidade de se criar uma ação efetiva para redução dos GEE, mas também surgiu de modo a oferecer uma solução mais rápida para as empresas que têm dificuldade em fazer alterações imediatas e efetivas nos seus processos.

Dependendo do segmento no qual a empresa atua ou do seu processo produtivo, as alterações necessárias para redução dos gases são economicamente inviáveis, em razão do custo, ou são pouco efetivas em curto e médio prazos, pois dependem de inovações tecnológicas.

Por isso o mercado de carbono é tão importante. Ele é uma alternativa para que as empresas cumpram suas metas de redução de emissões por meio da negociação de créditos de carbono com companhias em atividades geradoras de crédito.

Até o momento, esse mercado vem funcionando de forma voluntária ou por adesão. Porém, o governo brasileiro instituiu um novo Decreto Federal para impulsionar as mudanças necessárias e urgentes.

Contagem regressiva

No dia 19 de maio de 2022,  foi publicado o Decreto nº 11.075, que cria o Mercado Brasileiro de Crédito de Carbono. Esse documento estabelece os procedimentos para a elaboração dos Planos Setoriais de Mitigação das Mudanças Climáticas e institui o Sistema Nacional de Redução de Emissão dos Gases de Efeito Estufa. 

O decreto afeta diretamente os setores de geração e distribuição de energia elétrica, o transporte público urbano e os sistemas modais de transporte interestadual de cargas e passageiros. Ainda impacta as indústrias de transformação e bens de consumo duráveis, as indústrias químicas fina e de base, a indústria de papel e celulose, a mineração, a construção civil, os serviços de saúde e a agropecuária. 

O artigo 11 propõe a definição de metas gradativas de redução de emissões verificáveis e quantificáveis. À vista disso, a única forma de quantificação e verificação se dá via inventário de emissões. 

Ou seja, com o novo decreto, começa uma contagem regressiva em busca de adequações necessárias, e um bom começo é a realização do inventário de emissões. 

Como sua empresa pode começar a ser sustentável?

A realização do inventário possibilita que a empresa conheça as emissões do seu processo, estabeleça metas de redução de forma mais efetiva e, ainda, defina a abrangência de suas ações em 3 escopos diferentes, descritos a seguir.

Escopo 1

Refere-se às emissões diretas de atividades da empresa, relacionadas diretamente com o processo produtivo.

Escopo 2

Compreende as emissões indiretas da atividade da empresa, oriundas dos insumos, como eletricidade, aquecimento, resfriamento, entre outros.

Escopo 3

Abrange toda a cadeia de produção downstream e upstream, incluindo viagens a trabalho, distribuição e transporte de bens e geração/destino de resíduos.

Se todas as empresas se comprometerem com os escopos 1 e 2, nenhuma precisará se comprometer com o terceiro. 

Apsis é a solução para organizar o inventário

Aqui na Apsis Consultoria, você encontra uma área dedicada a serviços de sustentabilidade, com equipe experiente e multidisciplinar. 

Nós auxiliamos você a trilhar as mudanças e adaptações de forma planejada e organizada, com objetivos alcançáveis, métricas confiáveis e auditáveis, segundo a metodologia do Programa Brasileiro GHG Protocol e as normas do ISO 14064.

Entre em contato conosco e solicite uma consultoria para realização de inventário de emissões, implementação de ações sustentáveis na sua empresa, identificação de oportunidades de projetos de carbono, entre outras possibilidades.

Se você gostou deste conteúdo, continue acessando nosso blog e saiba mais sobre este e outros assuntos.

Ana Elisa
+ posts
Pedro Magalhães
+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.