Multiplus fatura R$ 1,1 bilhão em 2010

O Multiplus, que atua com o conceito de rede de empresas e programas de fidelização, encerrou o ano passado com um faturamento na venda de pontos de R$ 1,1 bi e com um lucro líquido de R$ 118,4 milhões. Com objetivo de maximizar o retorno aos acionistas, o Multiplus distribuiu R$ 112,3 milhões, ou 95% desse resultado, sob a forma de dividendos ou de juros sobre Capital Próprio (JCP), considerando valores pagos em 2010 e também os propostos para pagamento em 2011.

No quarto trimestre a companhia ainda acelerou o crescimento de sua rede, passando de 133 para 151 parcerias estabelecidas entre os meses de setembro e dezembro. O destaque do período foi a chegada de cinco empresas à rede de coalizão, que encerrou o ano com 12 parcerias nessa categoria.

No dia 4 de outubro, a companhia comunicou a entrada da Editora Globo, empresa com lugar de destaque no mercado editorial brasileiro, que publica regularmente 14 revistas, com mais de sete milhões de leitores. No dia 26 do mesmo mês, o Multiplus anunciou acordo com a operadora de TV por assinatura SKY. Já em novembro, foi comunicada a primeira parceria de coalizão do segmento de vestuário, com a GEP, empresa que conta com 77 lojas próprias das marcas Luigi Bertolli, Cori e Emme.

No início de dezembro, a empresa anunciou uma parceria com a Multi Holding, detentora de 3.520 escolas e nove marcas de ensino de idiomas, informática e cursos profissionalizantes: Wizard, Skill, Alps, People, Yázigi, Quatrum, SOS, Microlins e Bit Company. O último anúncio do ano, feito no dia 21 de dezembro, foi a entrada do Multiplus no segmento de farmácias e drogarias, por meio da Drogaria Rosário, maior varejista do setor farmacêutico no Centro-Oeste brasileiro, com 80 lojas.

(Jornal do Commercio)

+ posts

Compartilhar este post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *