Barry Callebaut inaugura fábrica em Minas Gerais

A suíça Barry Callebaut, maior fabricante de chocolate bruto para indústria do mundo, inaugura hoje sua primeira fábrica de chocolates na América do Sul. A unidade fica na cidade mineira de Extrema, na divisa com São Paulo, e consumiu US$ 15 milhões (R$ 28 milhões) em investimentos.

A fábrica, 41ª da companhia no mundo, deverá empregar cerca de 70 pessoas e atender o mercado sul-americano de fabricantes de chocolate, sorvetes, confeitaria, especialistas em chocolates e aos diversos segmentos do food service. A produção anual será de 20 mil toneladas de chocolates.

No Brasil, a Barry não fazia chocolates. Mas processa cacau em Ilhéus, na Bahia, onde produz manteiga de cacau, massa e pó da fruta, matéria-prima do chocolate. A produção é vendida para indústrias de chocolates no país e exportada para fábricas da Barry na América do Norte.

No ano passado, a empresa suíça firmou contrato de distribuição com a Bunge Alimentos para distribuição exclusiva de seus chocolates e coberturas para o segmento de food service brasileiro. Com isso, a Barry, desde julho do ano passado, passou a atingir os cerca de 25 mil pontos de venda atendidos diariamente pela Bunge no país.

A escolha da cidade de Extrema pela empresa suíça foi motivada pela localização, já que o município fica a 107 quilômetros da capital paulistana. Além disso, o governo local favorece a instalação de novas empresas na cidade por meio de incentivos fiscais. No ano passado, a Kopenhagen também transferiu sua fábrica que ficava na Grande São Paulo para Extrema. (L.C.)

(Valor)
 
 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.