Cade aprova compra da rede Texaco pelo grupo Ultra

BRASÍLIA – O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou nesta quarta-feira, 7, por unanimidade, a compra da rede de combustíveis Texaco no Brasil pelo grupo Ultra. Com a aquisição, formalizada em agosto de 2008 no valor de R$ 1,161 bilhão, os postos passam a usar a bandeira Ipiranga durante um período específico, de acordo com a região do País. Os conselheiros, no entanto, condicionaram o negócio à assinatura de um Termo de Compromisso de Desempenho (TCD).

O TCD indica que, em alguns casos específicos, a multa contratual, geralmente paga pelo dono de posto que não queira permanecer com a bandeira contratada inicialmente, não seja aplicada no caso de o primeiro não querer trabalhar com a nova bandeira. Esses casos específicos foram apontados inicialmente em um total de 54 municípios onde se constatou a existência de monopólio ou concentração superior a 60% do mercado, após o negócio. Um segundo filtro, porém, foi passado, indicando dificuldade de entrada de outra distribuidora, diminuindo este número para 17 cidades. No total, foi avaliada a situação de cerca de 2 mil municípios.

O Grupo Ultra adquiriu participações societárias da Chevron Brasil e da Galena. Com isso, toda a revenda de combustíveis Texaco do Brasil passa a ser do Grupo Ultra. A compra consiste no licenciamento das marcas da família Texaco por três anos nas regiões Sul, Sudeste e, de cinco anos, nas regiões, Norte, Nordeste e Centro-Oeste. A bandeira Texaco está presente em 1.986 postos em todo o País.

(Célio Froufe | O Estado de São Paulo)

 

 

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.