Eletrobrás estuda entrar em transmissão nos EUA

A Eletrobrás estuda entrar no mercado de transmissão de energia nos Estados Unidos. De acordo com o presidente da estatal, José Antônio Muniz, a companhia está avaliando ativos que possam ser adquiridos, mas não está descartada a participação em um leilão. "Este ano não dará tempo de tomar uma decisão, mas para o próximo já teríamos condições", disse, reafirmando que a empresa desenvolve estudos há quatro meses.

 
Muniz ressaltou que a Eletrobrás poderia contribuir no projeto de interligação dos EUA, pois tem expertise nessa área. "O sistema interligado nacional talvez seja hoje o maior do mundo. Já nos EUA, há pouca integração."

Também faz parte do plano de internacionalização da Eletrobrás buscar a integração da América Latina. Isso poderia começar com a Venezuela, que enfrenta um racionamento que prejudica o fornecimento em Roraima. Segundo Muniz, existe uma colaboração técnica entre os dois países. O Brasil apresenta o modelo como lidou com o racionamento e soluções técnicas para aumentar a geração no sistema venezuelano. Sobre o fornecimento de energia em Roraima, Muniz afirmou que o governo está abrindo licitação para contratação de energia emergencial pelo período de um ano.

(Portal Exame)

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.