Embratel fará oferta de até R$4,58 bi por ações da Net

São Paulo – A Embratel anunciou nesta quinta-feira que fará uma oferta pública para comprar até 100 por cento das ações preferenciais da maior operadora de TV a cabo do país, a Net, por até 4,58 bilhões de reais.

O anúncio acontece no momento em que o grupo controlado pelo magnata mexicano Carlos Slim consolida suas operações na América Latina em meio ao forte acirramento da competição com a espanhola Telefónica.

A oferta da Embratel, controlada pela Telmex, que por sua vez foi recentemente incluída sob o chapéu da companhia de telefonia celular do grupo de Slim, a América Móvil, se dará a um preço por ação preferencial de 23 reais.

Segundo comunicado da antiga estatal brasileira, a oferta de 23 reais representa um ágio 23,1 por cento sobre a média de preços do papel da Net nos últimos 30 pregões na BM&FBovespa. Na quarta-feira, as ações da operadora de TV a cabo encerraram a 19,99 reais.

O valor da operação será pago à vista e a oferta é intermediada pelo Itaú BBA.

A Embratel já possui 35,8 por cento das ações ordinárias da Net e 5,4 por cento das ações preferenciais. A operadora é dividida entre o grupo Globo, da família Marinho, e Telmex, que possuem, respectivamente, 51 por cento e 49 por cento de participação com direito a voto da GB Empreendimentos e Participações, empresa que controla a Net.

Segundo a Embratel, que oferece também telefonia fixa e serviços de TV paga, a Net tem 48 por cento do mercado de televisão por assinatura do país e 25 por cento do segmento de banda larga, com uma rede que atinge mais de 11,1 milhões de domicílios.

(Alberto Alerigi Jr. | Portal Exame)

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.