Fujitsu e Toshiba negociam fusão na área de celulares

SÃO PAULO – As japonesas Fujitsu e Toshiba negociam a fusão de suas operações na área de aparelhos celulares. A meta das companhias é formar o segundo maior polo de produção de aparelhos do país, informaram fontes ligadas às empresas. Atualmente, a Fujitsu detém 15% de participação do mercado japonês e a Toshiba, 3,7%. A líder no mercado é a Sharp, com 26% de participação.

As vendas de celulares no Japão caíram 40% nos últimos dois anos, de acordo com dados associação das indústria de tecnologia do país. A queda da demanda local levou as empresas a unir forças para competir internacionalmente. No mês passado, a NEC Corporation também fundiu sua unidade de celulares com a Casio Computer e a Hitachi.

No mundo, porém, Fujitsu e Toshiba teriam ainda pouca chance. As empresas respondem juntas por menos de 1% das vendas globais. E concorrem com gigantes no setor, como a finlandesa Nokia Oyj, a americana Research in Motion (RIM), a coreana Samsung Electronics e a taiwanesa HTC, que mantêm uma disputa acirrada com a Apple para garantir fatias maiores no segmento de smartphones.

RIM, Samsung, Motorola e a taiwanesa HTC lançaram nas últimas semanas smartphones com o sistema operacional Android, do Google. Esses aparelhos oferecem acesso a e-mail, visualização de mapas e uma loja virtual com milhares de aplicações de software da loja do Google. A loja compete com a App Store, da Apple, que ajudou as vendas do iPhone a se multiplicar no mundo. As informações são de agências internacionais.

(Cibelle Bouças| Valor)

 

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.