Gigante americana de farmácias negocia compra da Onofre

A rede de drogarias Onofre pode passar às mãos dos americanos da CVS Caremark por 605 milhões de reais. Segundo informações do jornal Valor Econômico, as negociações já duram cerca de um ano e estariam próximas de um fechamento.

Pelo acordo que está na mesa, a CVS ficaria com 80% da empresa. O restante permanecereia com a família Arede, que ainda ficaria dentro da Onofre por alguns anos após a aquisição.

À EXAME.com, a Onofre afirmou que “não confirma as negociações com a CVS e repudia especulações sobre percentuais da empresa e avaliação da mesma”.

Com 7.500 lojas nos Estados Unidos e Porto Rico, a CVS é a maior empresa de varejo de farmácias e serviços de saúde. Do começo do ano até setembro, sua receita foi de 92 bilhões de dólares.

A Onofre, por sua vez, tem forte presença em São Paulo. Seu quadro de funcionários é de cerca de 2.000 pessoas.

(Marcela Ayres | Exame)

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.