Iveco vai investir R$ 75 milhões em veículos de defesa no Brasil

A Iveco, empresa da Fiat Industrial, anunciou nesta segunda-feira (4) que vai criar uma divisão de veículos militares cuja primeira ação será gerenciar o projeto do VBTP-MR, o veículo blindado anfíbio que a empresa desenvolve em conjunto com o Exército Brasileiro. Nomeada Iveco Veículos de Defesa, a nova divisão começa com um investimento de R$ 75 milhões para a construção de uma unidade produtiva dentro do complexo industrial da Iveco em Sete Lagoas (MG).

Uma área de 18 mil metros quadrados será totalmente reformulada para acolher a produção seriada das 2.044 unidades do VBTP já encomendadas pelo Exército e que está prevista para começar no segundo semestre de 2012. A plena carga, a nova unidade vai empregar 350 pessoas, muitas das quais treinadas para tarefas especializadas e raras no mercado, como solda de aço balístico.

A Iveco Veículos de Defesa foi anunciada oficialmente nesta segunda-feira (4) ao governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, em evento realizado no Centro Administrativo do Governo do Estado e que teve a participação do Comandante do Exército Brasileiro, General Enzo Peri, entre outras autoridades civis e militares.

Na cerimônia, foi apresentado também o primeiro protótipo do VBTP-MR, batizado “Guarani”, que será exibido na Latin America Air & Defence (LAAD), a maior feira militar da América Latina que começa no dia 12 no Rio de Janeiro.

Após ser exibido na LAAD, o protótipo segue para o campo de provas do Exército Brasileiro em Marambaia (RJ), para um período de testes. Ao mesmo tempo, a Iveco Veículos de Defesa iniciará a construção de um lote piloto de 16 veículos previstos no período de desenvolvimento.

A criação da Iveco Veículos de Defesa é um desdobramento natural dentro do momento de ampliação acelerada das atividades da Iveco no Brasil. Desde 2007, a empresa construiu um centro de desenvolvimento de produtos (o primeiro da Iveco fora da Itália), uma nova unidade produtiva de caminhões pesados, um novo centro de distribuição de peças e lançou, no mercado, seis novas famílias de produtos. Nos últimos quatro anos as vendas da Iveco cresceram cinco vezes no País.

“Com a Iveco Veículos de Defesa poderemos não só melhor atender ao nosso parceiro e cliente, o Exército Brasileiro, como também desenvolver novos produtos para o segmento militar, seja para o Brasil, seja para a exportação”, disse Marco Mazzu, presidente da Iveco Latin America.

(Jornal do Commercio)

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.