Lufthansa aposta em mercado carioca e espera ocupação superior a 85% nos voos para Frankfurt

Após o anúncio, em fevereiro, de que voltaria a operar voos direto do Rio de Janeiro para Frankfurt, na Alemanha, a Lufthansa afirmou que a expectativa de ocupação inicial é positiva, e superior a 85%. A rota, que foi definida levando em consideração a aproximação de eventos esportivos importantes, como a Copa do Mundo (2014) e a Olimpíada (2016), começa a operar em 30 de outubro.

De acordo com a diretora de Vendas e Marketing da companhia no Brasil, Albena Janssen, a procura pelo voo para os meses de novembro e dezembro deste ano já é mais alta do que para aqueles operados a partir da capital paulista. "Até agora as reservas no Rio são o dobro das de São Paulo para esses meses, o que significa que o trajeto foi muito bem aceito no mercado", comemorou a executiva.

A diretora explicou que o número de reservas representa também o interesse do mercado europeu no Rio de Janeiro e no Brasil como um todo, já que o principal público da companhia aérea é o segmento corporativo. "O País tem grande potencial neste setor. Observamos isso a partir da taxa de ocupação da classe executiva, que é muito positiva", afirmou Albena. Segundo ela, por enquanto a demanda pelo voo é maior da Europa para o Brasil, porque geralmente os europeus se planejam com mais antecedência. A empresa alemã havia interrompido a rota em 2005, quando julgou que a demanda pela classe executiva estava reprimida.

A princípio a aeronave que irá fazer o trajeto Rio – Frankfurt será o airbus 340-300, que acomoda 222 pessoas, mas segundo Albena, a companhia confia no desenvolvimento do mercado, e pode operar a rota com um avião maior no futuro, como o airbus 340-600, que transporta 306 passageiros. Em São Paulo este modelo começará a ser utilizado pela companhia a partir também do dia 30 de outubro. No ano passado, o número de passageiros da companhia no Brasil foi 36% maior do que em 2009, e só no Rio de Janeiro, o aumento foi de 57%.

A Lufthansa opera dois destinos alemãs a partir da capital paulista, Frankfurt, com frequência diária, e Munique, que também terá opções de voos todos os dias a partir do penúltimo dia de outubro. Atualmente, o trajeto é realizado cinco vezes na semana. Albena destacou que todas as mudanças representam aumento de aproximadamente 100% na oferta de voos da companhia no Brasil, frequência praticamente equivalente à totalidade ofertada pelos demais países da América Latina juntos.

(Elisa Soares | Jornal do Commercio)

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *