Petroleira francesa Total compra 17% da Amyris e forma parceria

RIBEIRÃO PRETO – A companhia francesa de petróleo, gás e produtos químicos Total adquiriu 17% da participação da Amyris Inc. e firmou uma parceria estratégica com a empresa norte-americana de biotecnologia sintética para o desenvolvimento de materiais químicos e combustíveis baseados em biomassa, em especial cana-de-açúcar, segundo comunicado conjunto divulgado nesta quarta-feira, 23, pelas empresas. O anúncio ocorre um dia após a Amyris Brasil anunciar a formalização da joint venture com o Grupo Cosan para desenvolver, produzir e comercializar produtos químicos renováveis para aplicações industriais e automotivas.

Segundo as companhias, além da participação acionária na Amyris, a Total terá direito a nomear um membro do conselho diretor da empresa. Os valores do acordo não foram divulgados. "Sob os termos do acordo de colaboração, as equipes de pesquisa e desenvolvimento da Total e da Amyris vão trabalhar juntas no desenvolvimento de novos produtos e na criação de meios biológicos para produzir e comercializar materiais químicos e combustíveis renováveis", informou o documento.

O Brasil, onde a Amyris tem ainda uma parceria com o Grupo São Martinho para a construção de uma unidade industrial, fará parte do acordo. "A parceria combina a plataforma de biologia sintética industrial da Amyris e sua emergente capacidade brasileira de produção com o know-how tecnológico, as funcionalidades ”scale-up” industriais e o acesso a mercados da Total".

"A biotecnologia oferece novas perspectivas sobre a conversão de biomassa em moléculas para biocombustíveis e química verde", informou Philippe Boisseau, presidente da Total Gas & Power. "A Amyris é uma das empresas mais promissoras no emergente campo da biotecnologia e sua plataforma de tecnologia é um potente acelerador do desenvolvimento de rotas de produção industrial para muitos dos nossos mercados", completou.

John Melo, CEO da Amyris considerou que as parcerias obtidas tornaram a companhia "um fabricante integrado de produtos renováveis que reúne tecnologia, produção e comercialização; agora, com a Total, temos um poderoso aliado para nos ajudar a dar grande escala e expandir nossos horizontes para novos produtos e novas tecnologias", concluiu.

(Gustavo Porto | O Estado de São Paulo)

 

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.