Electrolux apresenta lucro de US$ 139 milhões no 2º trimestre

A fabricante eletrodomésticos, Electrolux AB apresentou lucro líquido de 1,03 bilhão de coroas suecas (US$ 139 milhões) no segundo trimestre deste ano, o que representa um crescimento de 56% sobre o ganho de 658 milhões de coroas suecas obtido no segundo trimestre de 2009.

As vendas da companhia caíram 1% em um ano, somando 27,3 bilhões de coroas suecas, especialmente por alterações nas taxas de câmbio. As vendas com as moedas equiparadas teriam crescido 2,8%, informou a empresa em, um comunicado.

O balanço da companhia ficou abaixo do esperado pelos analistas. As ações da Electrolux apresentavam queda de 7% na bolsa de Estocolmo por volta das 9 horas de hoje.

A fabricante de eletrodomésticos informou que todos os mercados continuaram se recuperando durante o segundo trimestre, com destaque para o americano que apresentou o terceiro trimestre consecutivo de crescimento após 13 trimestres de queda.

No Brasil, a empresa ressaltou que houve desaceleração na demanda após o corte de incentivos fiscais como a isenção do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI).

O mercado europeu, no geral, ficou estável no período de abril a junho deste ano, embora as vendas da região do sudeste europeu tenham caído ´substancialmente´ informou a empresa.

O chefe-executivo da Electrolux, Hans Straberg, ressaltou, em um comunicado, que a empresa mantém sua previsão de ganho operacional em 6% para 2010.

"Estamos no caminho certo e hoje apresentamos uma margem de 6,5% para o período referente aos últimos 12 meses", comentou Straberg no comunicado da empresa. "Estamos estamos vendendo produtos mais avançados e passo-a-passo, melhorando nossa posição no segmento premium", disse o executivo.

(Daniela Braun | Valor, com agências internacionais)

 

 

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.