BTG Pactual escolhe Bradesco para ajudar no seu IPO

O Banco BTG Pactual SA, do bilionário brasileiro André Esteves, escolheu também o Banco Bradesco SA para liderar sua oferta pública inicial de ações, de acordo com uma pessoa familiarizada com o assunto.

Os outros dois coordenadores da oferta são o JPMorgan Chase & Co. e o Goldman Sachs Group. Inc., segundo uma outra pessoa, que também pediu anonimato porque o processo ainda não é público. O banco pretende vender 10 por cento de seu capital na oferta, que deverá ser apenas primária, disse a pessoa. Representantes do Goldman Sachs, BTG Pactual, JPMorgan e Bradesco não quiseram fazer comentários.
 
O BTG pretende registrar o pedido para a oferta ainda nesta semana, disse a pessoa. O IPO, que estava inicialmente planejado para 2010, deve acontecer logo, se as condições de mercado continuarem favoráveis, disse a pessoa.
 
Em dezembro de 2010, o BTG vendeu uma participação de cerca de 18 por cento por US$ 1,8 bilhão para um grupo de investidores que incluem a família Rothschild e a família italiana Agnelli, que controla a Fiat SpA. Também estavam entre os fundos investidores no capital do banco o grupo J.C. Flowers & Co., o Government of Singapore Investment Corp., o China Investment Corp. e o Abu Dhabi Investment Council.
 
Na transação de 2010, o valor do BTG foi estimado em cerca de US$ 10 bilhões. Em 8 de fevereiro de 2012, o BTG anunciou a compra da corretora chilena Celfin Capital SA por US$ 245 milhões em dinheiro mais 2,4 por cento do capital do BTG, em um total estimado em US$ 600 milhões por uma pessoa a par do assunto. Isso significa um valor de US$ 15 bilhões para o BTG nesse último negócio.

(Cristiane Lucchesi | Bloomberg)

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *