O mercado imobiliário de escritórios de alto padrão

A situação do mercado imobiliário de escritórios de alto padrão virou ao longo de 2021 e fechou o quarto trimestre com absorção líquida positiva. Segundo publicação da Buildings (empresa especializada em inteligência de mercado imobiliário), os mercados do Rio de Janeiro e de São Paulo tiveram evolução na ocupação de áreas, o que levou à redução da taxa de vacância desses mercados.

 Apesar da instabilidade econômica e política, a evolução da vacinação foi a principal responsável pela grande absorção nas áreas estudadas, pois causou sensação de segurança e a consequente retomada da ocupação desses imóveis.

No Rio de Janeiro, onde há 124 edifícios classificados nesse padrão, foram adicionados ao mercado 24,8 mil m² de novo estoque, e, mesmo assim, os resultados do quarto trimestre foram favoráveis, com mais de 45 mil m² de absorção líquida.

 

O histórico recente de imóveis corporativos de alto padrão do Rio de Janeiro vinha de três trimestres (quarto trimestre de 2020 e primeiro e segundo trimestres de 2021) extremamente desfavoráveis, com volume de devoluções acumuladas na ordem de 47.250 m². Ressalta-se no fechamento do 4° tri a redução de vacância para 39,9%.

 

 

Já a capital paulista, que conta com 250 edifícios classificados como AAA, vinha com bons resultados desde o terceiro trimestre e fechou o quarto trimestre com absorção líquida positiva de mais de 75 mil m², evidenciando a consolidação da recuperação do mercado.

 

 

Em relação ao histórico, o mercado vinha sofrendo desde o início de 2020 com devoluções em grande escala, que acumularam cerca de 180 mil m². No fechamento do ano, a taxa de vacância chegou a 21,8%.

 

 

Esses indícios podem ser importantes para marcações de quotas em Fundos de Investimento Imobiliário (FII) com portfólio composto por imóveis corporativos de alto padrão, que têm como fonte de receita os resultados operacionais pautados em locação de unidades autônomas de empreendimentos comerciais.

Time Apsis – Paulo Blanco

+ posts

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.